A VOZ

Julio César Mesa

Letra de la canción

Toda vez que eu saia, pelas ruas da cidade, eu sabia que ia me embregar,
Sabia que ia drogar, mas uma voz me dizia assim: Filho eu vou te libertar!

Olha amigo olha aquele bar, aonde se prestar, lá era meu lugar!
Naquele canto de balcão me embriagava, bebia, fumava, falava sem parar!
De madrugada, meu dinheiro acabado, eu era humilhado, e varrido de lá!
E nesta hora, a tristeza me vinha, mas uma voz dizia: Filho eu vou te libertar!
Esta voz é Jesus, que vinha me falar,abre seu coração amigo, que esta voz ouvirás.

Olha amigo a roda de sinuca, lá os apostadores, eu apostava lá!
O meu dinheiro, ficava alí roubado, enquanto a minha família, ficava a faltar!
Minha esposa, minha mãe e filhos, diziam homem maldito, é cruz pra carregar!
E nesta hora, meu coração doia, mas a voz me dizia: Filho eu vou te libertar!
Esta voz é Jesus, que vinha me falar,abre seu coração amigo, que esta voz ouvirás.

Olha amigo, eu já fui feiticeiro, eu fazia despacho, até para matar!
Quando eu entrava numa roda de parar, gritava cada berro, de arrepiar!
Tanto bebia, fumava, drogava, entrava em emboscada, pra morrer ou pra matar.
Por várias vezes, minha morte eu via, mas a voz me dizia: Filho eu vou te libertar!
Esta voz é Jesus, que vinha me falar,abre seu coração amigo, que esta voz ouvirás.

Olha amigo, eu já fui terrível, em tudo que pensar, hoje eu sou um servo do Altíssimo
O leão da tribo de Judá! Meus ex-amigos, zombam de mim, quando me vê, com a bíblia na mão
Eu não me importo um folheto vou lhe dar, dizendo leia amigo: Jesus quer te libertar!
Essa voz é Jesus, hoje liberto eu sou, Jesus disse vinde a mim, Jesus é o libertador!
fuente: musica.com

Letra añadida por: votasgu (#955)

Julio César Mesa
Valora la calidad de la letra

Compartir 'A voz'

compartir en facebook
compartir en google plus
compartir en twitter
Enviar letra a un mail
Imprimir letra
ir a arriba