PROCURA

José Augusto

Letra de la canción

Sei que a vida é cruel e não se deve acreditar no amor de ninguém
Mas eu também me apaixonei, minha vida entreguei
Hoje vivo a sofrer e a chorar

REFRíO:
Quero encontrar um amor verdadeiro prá ser feliz
Chega de sonhos, mentiras e tantas desilusões
Quero entregar minha vida prá alguém que me ame
E que me dê tudo aquilo que eu sempre sonhei

Quem vive triste como eu, a fugir da solidão, sei que vai me entender
Pois as palavras de amor que são fáceis de dizer
São também tão difíceis de provar
fuente: musica.com

Letra añadida por: votasgu (#955)

José Augusto
Valora la calidad de la letra

Compartir 'Procura'

compartir en facebook
compartir en google plus
compartir en twitter
Enviar letra a un mail
Imprimir letra
ir a arriba