PELO VINHO E PELO PÃO

Ze Ramalho

Letra de la canción

Quantos olhos você têm
Pra me falar
Quantas bocas você diz
A me olhar

Quantos dentes eram tristes
Quantos eram solidão
Outros eram diferentes
Não nasceram para o chão

Quantos olhos você têm
Pra me falar
Quantas bocas você diz
A me olhar

Quantos dentes eram tristes
Quantos eram solidão
Outros eram diferentes
Não nasceram para o chão

Claros pelos evidentes
Nascerão em cada mão
Lívidos e conscientes
Pelo vinho e pelo pão

Beijos de doce veneno
Quero sim e quero não
Pelo fogo dos repentes
Desafia um coração

Claros pelos evidentes
Nascerão em cada mão
Lívidos e conscientes
Pelo vinho e pelo pão

Beijos de doce veneno
Quero sim e quero não
Pelo fogo dos repentes
Desafia um coração
fuente: musica.com

Letra añadida por: Musica.com (#16)

Ze Ramalho
Valora la calidad de la letra

Compartir 'Pelo Vinho e pelo Pão'

compartir en facebook
compartir en google plus
compartir en twitter
Enviar letra a un mail
Imprimir letra
ir a arriba