POR ACASO EM OSAKA

Paulinho Moska

Eu vim andando, vagando, vagabundeando
Pelas ruas da cidade
Eu vim chorando, sorrindo, não quero entender
O porque dessa dor que me invade

Certas manhãs ou à tarde
Todas as noites ela vem e me arde
Na madrugada de sol desse quarto de hotel

Nada de beleza nua,
Só a solidão tão crua
De deslizar minhas palavras tão tristes nesse papel

Subo no último andar do edifício mais alto
Sei que preciso voar, mas é difícil dar o salto
Chego até a contemplar a infinita paisagem
Mas meus pensamentos me lembram que é outra viagem

Pois olhando de cima, pensava no chão
(Talvez visitar a tal exposição...)
É... eu já disse à vocês, essa dor sempre me ataca
Pois é... dessa vez aconteceu, por acaso, em Osaka.
fuente: musica.com

Paulinho Moska

Ficha de la Canción

Título:
POR ACASO EM OSAKA

Grupo/Cantante:
PAULINHO MOSKA

Letra añadida por:
+ [[ EviL AnGeL ]] +

Valora la calidad de la letra

Compartir Letra

compartir en facebook
compartir en google plus
compartir en twitter

Enviar la letra 'Por acaso em Osaka' por email

Imprimir la letra 'Por acaso em Osaka' de Paulinho Moska

ir a arriba