A Dama De Vermelho - Bruno e Marrone

A Dama De Vermelho

Bruno e Marrone

Letra, canción

LETRA

'A Dama De Vermelho'

Garçom
Olhe pelo espelho
A dama de vermelho
Que vai se levantar
Note, que até orquestra
Fica toda em festa
Quando ela sai para dançar
Essa dama já me pertenceu
E o culpado fui eu da separação
Hoje, choro de ciúme
Ciúme até do perfume
Que ela deixa no salão

Garçom, amigo!
Apague a luz da minha mesa
Eu não quero que ela note
Em mim tanta tristeza
Traga mais uma garrafa
Hoje vou embriagar-me
Quero dormir para não ver
Outro homem te abraçar

Apoyar a Bruno e Marrone

  • Bruno e Marrone no está entre los 500 artistas más apoyados y visitados de esta semana.

    ¿Apoyar a Bruno e Marrone?

    Ranking SemanalMedallero