A LUZ DE TIETA

Veloso Caetano

Letra de la canción

TODO DIA É O MESMO DIA,
A VIDA É TíO TACANHA
NADA NOVO SOB O SOL
TEM QUE SE ESCONDER NO ESCURO
QUEM NA LUZ SE BANHA
POR DEBAIXO DO LENÇOL

NESSA TERRA A DOR É GRANDE
E A AMBIÇíO PEQUENA
CARNAVAL E FUTEBOL
QUEM NíO FINGE,
QUEM NíO MENTE,
QUEM MAIS GOZA E PENA
É QUE SERVE DE FAROL

EXISTE ALGUÉM EM NÓS
EM MUITOS DENTRE NÓS
ESSE ALGUÉM
QUE BRILHA MAIS DO QUE
MILHÕES DE SÓIS
E QUE A ESCURIDíO
CONHECE TAMBÉM

EXISTE ALGUÉM AQUI
FUNDO NO FUNDO DE VOCÊ,
DE MIM
QUE GRITA PARA QUEM QUISER OUVIR
QUANDO CANTA ASSIM:

ETA,
ETA, ETA, ETA,
É A LUA, É O SOL É A LUZ DE TIETA,
ETA, ETA!

TODA NOITE É A MESMA NOITE,
A VIDA É TíO ESTREITA
NADA DE NOVO AO LUAR
TODO MUNDO QUER SABER
COM QUEM VOCÊ SE DEITA
NADA PODE PROSPERAR
É DOMINGO, É FEVEREIRO,
É SETE DE SETEMBRO,
FUTEBOL E CARNAVAL
NADA MUDA, É TUDO ESCURO
ATÉ ONDE EU ME LEMBRO
UMA DOR QUE É SEMPRE IGUAL.
fuente: musica.com

Letra añadida por: votasgu (#955)

Veloso Caetano
Valora la calidad de la letra

Compartir 'A luz de Tieta'

compartir en facebook
compartir en google plus
compartir en twitter
Enviar letra a un mail
Imprimir letra
ir a arriba