ALBORADA EN PORTUGUÉS

Alvorada/Madrugada

Talvez esta vez consigas compreender
A razão porque fiz esta canção,
Hoje tenho que cantar-la.
Este humilde coração não te esqueceu,
E ainda pensa em ti.
Me fala sem parar,
Me conta tudo aquilo
Que me fez sentir seu amor....
E sinto ‘saudades’.
Escuta, me fala muito ‘profundo’,
Sente como eu sinto.
Quero ascender o céu de seus beijos,
Ao reino do seu amor.
Hoje sei que voltaremos,
Seremos novamente eu e você.

Rompi uma vez sua armadura de ferro,
E minha voz chegou a seu coração.
Lê falou em forma de um beijo...
Minha alma cegou com teu doce fogo,
Com teu calor... logo tudo terminou.
tão só suas cinzas
me lembram quem sou:
sou somente um sonhador,
o bobo de todas suas risadas,
o ‘morador’ de sua vida, que por teu amor,
minha alma lhe dou,
em forma de canção.
No vês que ainda estou sozinho...?
Não vês que ainda te amo...?
fuente: musica.com

Avalanch

Ficha de la Canción

Título:
ALBORADA (EN PORTUGUÉS)

Grupo/Cantante:
AVALANCH

Letra añadida por:
gabrielcandiavela

Top Letras de Avalanch

1. Letra de Delirios de Grandeza
2. Letra de Antojo de un Dios
3. Letra de Xana
4. Letra de Alas De Cristal
5. Letra de Alborada
6. Letra de Aquí Estaré
7. Letra de Mil motivos
Ver todas las letras de Avalanch