Disquito sustituye a Mesa

Polegar: O movimento

Mesa

LETRA

alineación izquierdaalineación centrofuente mayorfuente menor

Ocupo um corpo onde não esteja ninguém
Usar sempre o mesmo não te fica bem
Eu sigo sempre atrás de ti
Vivo em pose
E não saio daqui

O amor inacabado fez-te mal
Está na hora de acordar
Põe-te de pé para ver quem és

Não favoreças a palavra ao tema
Procura o ponto fraco do teu problema
Informação trouxe desilusão
E a emoção está fora do controle

Espelho mágico espelho
Há alguém mais triste do que eu?

Dividiste em dois o real sentido
Um pedaço a ser outro por resolver

O movimento do meu polegar
Curou-te as feridas
Mostrou-te um lar
Onde estás? Já sei.
Vou ter contigo e não conto a ninguém

O movimento

Curou-te as feridas (x2)

Eu já vi que o teu amor é escuro
Mas é de longe o mais puro
Nada pode alterar
O que eu sinto por ti

Eu já vi que o teu amor é escuro
Mas é de longe o mais puro
Nada pode alterar
O que eu sinto por ti

Nada, nada, nada
Nada pode alterar o que eu sinto por ti

O movimento do meu polegar
Curou-te as feridas
Mostrou-te um lar
Onde estás? Já sei.
Vou ter contigo e não conto a ninguém

O movimento do meu polegar
Curou-te as feridas
Mostrou-te um lar
Onde estás? Já sei.
Vou ter contigo e não conto a ninguém

Digo a ninguém

fuente: musica.com disquito - musica.com

Compartir la letra 'Polegar: O movimento'

ir a arriba