Imagen de la canción 'Conveniente o Bastante'

Conveniente o Bastante

DJ Caique

LETRA

Alinear a la izquierdaAlinear al centroLetra más grandeLetra más pequeña

Uma boa dose de bom senso
Pra escolhe, penso nas opções que tenho, hã
Gorda ou magra, branca ou preta
Uma mulher de verdade ou ficar só na
São infinitas as possibilidades
Achei só até os vinte ou vá além dos cem de idade
Tomei as devidas precauções pra tomar decisões
São elas que ditam o ritmo das canções, de trilha
De cada capítulo da nossa história
Vários tipos de enredo, agradados e glórias
Qual dessas você quer que seja a sua
Independente de qual for, hã, sempre assuma
Os riscos de uma nova empreitada
Que com as consequências de ousados usar a fala
O livre arbítrio de ir e vir, chorar, sorrir
Poder tentar levantar após cair

Eu preciso de uma ideia boa pra relaxar
Que seja bem diferente, que possa me inspirar
Me levar sem fronteiras, barreiras pra segurar
Expelir as sonzeras ruins e a energia espalhar
Me conte o último pensamento que veio à mente
Que fez você se sentir um verdadeiro combatente
Diferente de todo mundo que diz que entende
Que sempre tá devagar e não sei quem tá mais à frente, pois é
São várias ondas, dias, artes, sorte
Cê nem sabe mais qual é qual
E entre a vida e a morte cê enxerga o essencial
Que a ideia que cê segue é que vai te mostrar
O caminho pra viver ou o que vai te matar
Tem que ser realista em vista do que tem se visto
Eu não sei como o mundo muda mas é nisso que eu insisto, rapaz
A diferença que faz, a visão do sonho, imagens sensacionais


Fechar os olhos, sim, começar a relembrar
As imagens do sonho que te fizeram acordar
Uma nova visão, a estrela em formação
Feito nébulas de ideias prontas pra entrar em ação
E se você sente que isso é o que há
Concentração é o nome pra poder realizar
E na sequência do processo você também vai sacar
Que a teoria é diferente na hora de praticar
Mas se tem competência a parada vale à pena
Não vale à pena perder por falta de paciência
Se cês quer saber, aguardar pra chegar
Mas sabendo calcular, pro seu tempo não passar
Pelo mundo e você não contribuir
E tá sempre por aí, tua marca não deixar
Vai somar, vai sumir, vai descer, vai subir
Vai ficar de 'cococó' ou pelo menos vai tentar?

Me focar, concentrar minha mente
Perceber o movimento que for diferente
Deixe eles que falem, deixe eles que tentem
Me lembrar de ouvir o mundo e ficar consciente
Não me enrole com a sua aguardente
De viajem eu tô tranquilo, tenho o equivalente
Então, irmão, não peça pra eu sorrir contente
Quando eu vejo que tudo será vendido ao concorrente
Tive uma ideia, ela virou tudo pra baixo
E até hoje eu ainda não sei se nesse mundo eu me encaixo
Sei que um dia eu ainda descubro aonde foi cair qual caixo
Aonde fica minha casa, qual a cor do meu capacho
E se eu me lembrar do caminho, nunca mais ando sozinho
Não serei mais tão mesquinho, não distribuo carinho
Eu abrirei meu sorriso de novo ao mundo
Eu só preciso duma ideia, só preciso dum segundo

[Colagens & Scratches]

fuente: musica.com disquito - musica.com

Compartir la letra 'Conveniente o Bastante'

Buscar canciones
X
ir a arriba