Imagen de la canción 'Emboscada'

Emboscada

DJ Caique

LETRA

Alinear a la izquierdaAlinear al centroLetra más grandeLetra más pequeña

Caí nessa emboscada
Me levaram pro meio nada
Com as mãos amarradas
Me torturam porque as minhas rimas não são fracas
E não sou aquele cara que faz várias levadas
Torturado por ainda ser boom bap
Não fazer os trap
Eu sou o rap com ou sem snap back
E dentro ou fora de casa eu sou brasa
Que queima os vida mansa
Daquelas que a brisa não passa
Me torturam pro passar informação
Tira a TV da minha frente
Diabo só quer minha atenção
Me torturam porque não sou descolado, modelado
Só tenho som pesado e não faço um milhão
Meu rap é pesado ou sua mente que é leve?
Isso não é meu hobby
É minha vida, me descreve
Não tiro férias nem fico de greve
Pode vendar meus olhos de fez
Que mesmo assim enxergo mais que vocês
Eu devoro miolo
Nisso eu sou freguês
Sou mais perturbador que os filmes de terror japonês
Vocês me torturam por ser realista
A cada frase escrita é uma fratura exposta
Dessa matéria explícita
Morro e mato pelo que minha boca vomita
Sou torturado porque quero o melhor pro menor
Que se espelha no que se tem de pior à sua vista
Vários artistas é uma coisa na rua
Outra no Insta

Meu santo me ensinou na rua
Que a grana jamais
Minhas palavras ferem tua alma
E evidencia sua fraqueza

Retorcendo orelhas
Pescoços notam minha presença
Os pescoços negam minha presença
Balançam juntos com minha benga
Porque eu derrubei que é quenga
E agora os bambi me quer torturado
Tiram meu sangue porque minha rima é sangrenta
E toda noite eu me sinto um alvo
De um otário que acha que manda
Um funcionário de baixa demanda
Pede grana pra calcinha de renda
Eles querem me ver na câmara de gás
Tá aqui o resultado em câmera lenta
DJ Caíque avisou que isso é o Caligari
Manda abrir o purgatório agora

Meu santo me ensinou na rua
Que a grana jamais
Minhas palavras ferem tua alma
E evidencia sua fraqueza

fuente: musica.com disquito - musica.com

Compartir la letra 'Emboscada'

Buscar canciones
X
ir a arriba