Disquito sustituye a Léo Godoy

Testemunho Em Galope

Léo Godoy

LETRA

Alinear a la izquierdaAlinear al centroLetra más grandeLetra más pequeñaVer video

Há coisa errada que sempre acontece
Pra se entender basta a explicação
Valente e feroz é a doida paixão
Atropela a razão consequência não mede
Se entrega até pra quem não merece
Mamãe com meu pai resolveu se casar
Foi uma mulher dedicada ao lar
Meu pai era ruim e também preguiçoso
Para minha mãe deu muito desgosto
Não dava amor não queria amar

Na minha morada morava agonia
Meu pai só queria ser reprodutor
Bater em mamãe causando a dor
Ela engravidando, ele também batia
E toda lapada eu também sentia
Eu era o feto pra não se abortar
Fui muito valente para aguentar
E nasci num momento que o Sol foi embora
Foi uma alegria quando sai fora
A parteira bateu comecei a chorar

Minha gente, eu digo: A coisa foi feia
Eram nove filhos para sustentar
Mamãe professora ia ensinar
Pai ficava em casa deitando a madeira
Batia na gente por qualquer besteira
Até que um dia para completar
Chamou minha mãe para conversar
E cumpriu a sentença que o diabo mandou
Matou a mamãe que tanto o amou
Vítima inocente e mulher exemplar

Conferindo a conta eu tiro nove fora
Eram nove filhos sem lar e sem pão
Sem amor, sem cuidado, sem educação
Mas Jesus nunca falha, digo toda hora
Tocou corações logo sem demora
Pra ser providência e nos ajudar
E chegava a feira pra alimentar
João Duque, Abel, neta, madeira e dó
Foi muitas pessoa que nos ajudou
Pois nosso senhor nunca deixa faltar

fuente: musica.com disquito - musica.com

Compartir la letra 'Testemunho Em Galope'

Buscar canciones
X
Autoplay
Ver video
ir a arriba