'Insônia' de Tribo da Periferia (3º Último)

LETRA

Perdi o sono outra vez
E hoje esses cara preta vai queimar
Porque são duas da manha e eu to aqui
Com outra garrafa de vodka (de vodka)
E eu sou mais um maloqueiro da quebrada
Que ta virado desde outras madrugadas
Depois das onze já não pensa mais em nada
Só quer viver que a vida é única (é única)

Eu e meu desprazer
É o que me faz sentir prazer
É o que me faz enlouquecer
É o que me faz querer viver
E ver que tudo é passageiro
Solta esse cabelo e vem
Que hoje eu vim pra esbagaça nessa porra
E nos ta solteiro deixa o som bater neném
Até a policia chegar se pedir pra abaixar
Nois vai pra outro lugar
Ooh hoje eu quero ver esses cara preta queimar
(os cara preta queimar...)

Mais uma vez o sol nasceu a noite virou dia
Eu e meu desprazer a rua e sua ousadia
E dar nada não que ta bom toca o som
E quem não ta bebendo bota fogo no do bom
E quantas vezes vi a cara de quem desacreditou
E só foi motivação hoje eu sei o som virou
E quem diria nois de rueira é de volcano
É cheiro de prosperidade andando de nave do ano

Joga esses cabelos e vem
Chega mais perto do meu colo neném
Joga esses cabelos e vem
Se quiser ir pra onde eu vou tudo acaba bem
Aqui não é hollywood mais cena nois roubou
Bate as taças faz um brinde a quem é merecedor
Pela paz nessa quebrada mais saúde mais amor
Quando achar que terminou a festa apenas começou

Eu e meu desprazer
É o que me faz sentir prazer
É o que me faz enlouquecer
É o que me faz querer viver
E ver que tudo é passageiro
Solta esse cabelo e vem
Que hoje eu vim pra esbagaça nessa porra
E nos ta solteiro deixa o som bater neném
Até a policia chegar se pedir pra abaixar
Nois vai pra outro lugar
Ooh hoje eu quero ver esses cara preta queimar
(esses cara preta queimar...)

E como é bom viver a vida passa e cê nem ver
E pra que sofrer mais tarde vamos ali no rolê
Logo mais o dia vai amanhecer outra vez
E é nois de novo dez horas da manha do chinês
Não deixe ninguém roubar sua brisa esse pe teu momento
Melhor ta isento desse mundinho violento
Certo é certo é você mesmo é quem faz teu julgamento
Tudo passa faz outro game der tempo ao tempo
Hoje ninguém dorme eu tô na rua daquele jeito
De rasante na nave com os grave tremendo o peito
Bagaceiro meio bandoleiro
Eu vi um parceiro contribuindo
Pra essa cidade virar um puteiro

Ontem eu pensei se pensar sozinho você morre
E se pagar vai ver você vai ver porque o df não dorme
Coloca na balança o que o que tem mais valor
Amar é bom mias melhor ainda é fazer amor
Eu e meu desprazer
É o que me faz sentir prazer
É o que me faz enlouquecer
É o que me faz querer viver
E ver que tudo é passageiro
Solta esse cabelo e vem
Que hoje eu vim pra esbagaça nessa porra
E nos ta solteiro deixa o som bater neném
Até a policia chegar se pedir pra abaixar
Nois vai pra outro lugar
Ooh hoje eu quero ver esses cara preta queimar
(esses cara preta queimar)

Apoyar a Tribo da Periferia

  • Tribo da Periferia no está entre los 500 artistas más apoyados y visitados de esta semana.

    ¿Apoyar a Tribo da Periferia?

    Ranking SemanalMedallero