Disquito de musica.com

Do Jeito Que Levo a Vida - Letra

Zé Barth

Añadir a Favoritas

LETRA 'DO JEITO QUE LEVO A VIDA'

Eu já contei tanta história de mim
Mas não contei como é que sou agora
Eu gosto muito de bailão que tem gaitasso
Eu danço todas com minha prenda que adora
Vou à bodega também disputar uma bocha
E um dominó não pode ficar de fora
Uma canastra disputando uma galinha
É coisa boa não se ver passar horas

Cachaça pura também não pode faltar
Também fizemos uma roda de chimarrão
Um palheirinho feito de fumo de corda
É sem frescura a vida deste cidadão
Se foi o tempo de cigarrinho de luxo
Terno e gravata pra dar respeito ao povão
Agora ando de bermuda e camiseta
É deste jeito que vivo lá no sertão

Moro no mato bem distante do barulho
Só se escuta o cantar dos passarinhos
Tenho lagoa planto aipim e faço horta
De vez em quando é legal comer um peixinho
Todo domingo de manhã vamos a igreja
Rezar pra Deus com a família juntinho
Agradecer nossa vida com saúde
E assim vou prosseguindo o meu caminho