Quatro Cantos - Bandeira Branca

Bandeira Branca

Piruka

LETRA

Bandeira Branca Letra

Tou perdido, e não me encontro
Por não te ver há dias
Confronto o meu pensamento
Pensando no que dirias
Afronto com o meu sentimento
Sinto que não sentias
O que sinto cá dentro
Não são meras fantasias
Tu... dizias que querias
Mentias com a boca toda
Deste-me a volta a cabeça
E depois foi que 'sa foda'
Hoje já não me incomoda
Mas ja me incomodou
Um motor e quatro rodas
Não muda aquilo que eu sou
Fui sempre a mesma pessoa
Boa e atenciosa, cuidava-te, tratava-te, deixava-te ansiosa
Tocava-te, beijava-te de forma carinhosa, a tua pele arrepiava
Ficavas louca e perigosa, gostava da gostosa forma que a gente encaixava
A pouco e pouco fiquei louco e sempre disse que não ficava
A mim ninguém me agarra era aquilo que eu dizia
Palavras e mais palavras falava do que não sabia
Falava do que não sabia, não sentia o que sinto hoje
Mas hoje não permitia nem por um dia ter-te longe
Quero-te na minha vida, querida ouve o que eu digo pra ti...
Eu estou lá quase, mas quase não é comigo
Passei a fase de amigo sempre contigo do lado
Ouvia não quero bandidos, mas ouvia calado
Eu a pensar que ia pintar com a minha pinta e acabei pintado
Falava que não me apaixonava e tou apaixonado
Era Playboy brincava não contava com o ditado
Pensava que enganava e era eu que tava enganado
E a cota que me avisava agora goza com o meu estado
Quem avisa amigo é e eu fui avisado
E agora ficar revoltado, não adianta
Fizeste muita merda, mas merda também fiz tanta
Não sou santo e nunca quis uma santa
Estou aqui de peito aberto a erguer Bandeira Branca

Datos de esta canción

BANDEIRA BRANCA es una canción de Piruka que se estrenó el , este tema está incluido dentro del disco Quatro Cantos. Agradecemos a ChamLee por haber sudido la letra de Bandeira Branca.