Imagen de la canción 'Céu em Tons Grisalhos'

Céu em Tons Grisalhos

GGOSS

LETRA

Alinear a la izquierdaAlinear al centroLetra más grandeLetra más pequeña


Céus em tons grisalhos
Eu em tom errado
Meu café amargo
Louça por todo lado
Vibe: filme cult
Eu num picadeiro
Pensando em como a vida não é doce igual brigadeiro
Sair é um saco, todos narcisistas
Capas de revista, jornal da tv
E até que a fumaça se despeça
Se disperse, num mero sopro do q resta, devaneio
Disperdícios e vícios, meus anseios
Derramados em teu seio tão otimista
Enfim a minha paranóia me convida à neurose urbana por dinheiro
Mas, se houver atrasos e for precário
É 'hora de aventura', o meu momento Finn
Deixo de lado os nós do laço, ponho o cachecol
Vou de antemão a brisa fria que antecede o fim
Nem paro pra pensar nos passos, o medo é a medusa disfarçada de impecílios pra nos confundir
Dou mais um gole no meu chá gelado que a espera de calor, igual a nós, tá à deriva até subtrair


Tendências e
Pendências só
Pertencem a si
Então se entenda
Se ache, se perca
Deixe estar
(apenas seja!)


Deitado na minha cama
Com o chá gelado na janela esperando ser bebido
Olhando pro teto, os devaneios vão surgindo
Com o cheiro de chuva que ainda tá por vir
E a noite tá gelada. No chão molhado já escorreguei. 'PERIGO!'
É o que a bandeira de quem volta tenta avisar e eu vi
Tento andar em passos largos
Pra compensar o tempo que eu perdi
Hmmm, cego com deja vu. Dançando mambo em um funeral
Se não consegues ver o tolo, então é bom olhar pra si
Cansado de estar cansado, meu inimigo sou eu mesmo, sempre pronto pra implodir...
Ah, deixo de lado e vou lutar, que a utopia tá por vir


Tendências e
Pendências só
Pertencem a si
Então se entenda
Se ache, se perca
Deixe estar
(apenas seja!)

fuente: musica.com disquito - musica.com

Compartir la letra 'Céu em Tons Grisalhos'

Buscar canciones
X
ir a arriba